• A Consultora de Negócios

10 DICAS PARA EMPREENDER COM SUCESSO

Atualizado: Jun 11




1ª DICA


Ter uma ideia (um sonho-desejo) OBJETIVO e o PROPÓSITO


Para empreender existem alguns procedimentos estabelecidos pela experiencia de outros que devem ser estudados e colocados em prática para maximizar as chances de sucesso. Criamos esse roteiro baseado em estudos e em nossa experiencia com empreendedores e executivos.

A 1a DICA é TER UMA IDEIA COM UM OBJETIVO DEFINIDO E UM PROPÓSITO A ALCANÇAR. Primeiramente certifique-se que a  ideia seja UNICA quando comparada aos concorrentes. Deve ter uma PROPOSTA DE VALOR ÚNICA. Os clientes no mercado tem que ver sua empresa como aquela que entrega um produto ou serviço diferenciado-ÚNICO.

Defina o OBJETIVO, qual resultado projetado como volume de vendas, mkt share, lucro, etc.  E mais importantes qual o PROPÓSITO? Por que quero construir esse empreendimento. Propósito vai além do financeiro e define o legado que pretende construir com o projeto.


2ª DICA


Conhecer o negócio


Possuir bons conhecimentos da dinâmica da sua indústria, seus clientes, concorrentes, fornecedores. Acreditamos ser esta a PRINCIPAL razão dos fracassos de muitos empreendimentos.

Pesquisas dos EUA mostram que de cada 100 negócios abertos, apertos 4% sobrevivem após 10 anos. Sim, 96% desaparecem no caminho. No Brasil de cada dez empresas, seis não sobrevivem após cinco anos de atividade, segundo a pesquisa Demografia das Empresas 2014, divulgada pelo IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística).

Das 694,5 mil empresas abertas em 2009, apenas 275 mil (39,6%) ainda estavam em funcionamento em 2014. Após o primeiro ano de funcionamento, mais de 157 mil (22,7%) fecharam as portas…. Não temos dados para de 10 anos para este índice.

Se você ou seus sócios não conhecem o negócio sugerimos que contratem uma consultoria especializada para orienta-los.

Este fenômeno também acontece com organizações com muitos anos de história. Essas organizações, por não possuírem um plano de sucessão estruturado, vão perdendo, com o decorrer do tempo, seus talentos em número maior que o da formação e sucessão. Essas empresas buscam seus novos executivos em mercado diversos, muitas vezes sem os conhecimentos do setor e o perfil para o negócio. Visando otimizar e apressar o aprendizado, esses novos executivos contratam empresas de consultorias, que cobram fortunas, para ajuda-los na construção de uma nova estratégia.

Nesta fase muitas organizações desaparecem ou são vendidas, pois ficam fragilizadas diante de uma concorrência agressiva em busca de aumento de participação no mercado. Este fenômeno tem sido comum no mundo das commodities.

No Brasil, como em muitos países no mundo, existem muitas empresas que se encontram nesse processo. Pretendemos discutir em nosso curso intensivo como evitar esta situação.

Para empreendedores entusiasmados em criar um novo negócio, recomendamos que tenham cuidado e entendam e apliquem as 10 DICAS.

Como diria um guru “não se metam em encrenca”, gastando suas reservas e suas poupanças, em negócios na qual não tenham talento e nenhum conhecimento. Esqueça a ideia de abrir aquele restaurante, padaria, salão de cabeleireiro, loja de biquíni/confecções ou comprar um posto de gasolina ou uma indústria em dificuldades. Se alguém está vendendo seu negócio, com certeza, na maioria dos casos de pequenas empresas, é devido sua inviabilidade. Agora se você tem talento e conhecimento no setor, e acredita que pode reverter os resultados, aproveite a chance. Mas não se esqueça que os donos anteriores também tinham experiência.

Analise quais são suas habilidades, conhecimentos e talentos e direcione seu foco onde terá sucesso. Caso não saiba “nada”, procure estudar e aprender antes de iniciar seu projeto ou arrume um sócio que conheça ou contrate uma consultoria para ajudá-lo. Existem poucos casos de sucesso e empresas longevas onde o(a) empreendedor(a) não tinha experiencia e deu certo.

Conheço inúmeros casos de pessoas que quebraram essa regra e acabaram com a poupança de suas vidas. O propósito de nossa escola AE é zerar essas aventuras através do nosso curso GEE que irá ensinar o ESSENCIAL para o sucesso de quem queira empreender.

Empresas maduras que queiram garantir sua longevidade, recomendamos CRIAR UM PLANO ESTRUTURADO DE SUCESSÃO. Analise seu organograma e liste as posições estratégicas que devem ser trabalhadas com antecedência de no mínimo três anos. Esse projeto aumenta as chances de permanência dos talentos na organização.


3ª DICA


Ter sócios ou colaboradores que acreditem em seu projeto


Normalmente são os sócios e colaboradores que colaboram na criação do empreendimento. O nome utilizado para o grupo de apoio é “máster mind” que representa a união de todos pelo mesmo propósito, pois OS ESFORÇOS e a energia positiva do grupo potencializam os resultados.

Agora uma dica. Evite contratar parentes e amigos que não tenham as habilidades e conhecimentos necessários a função. Muitas vezes, para reduzir despesas e custos, o empreendedor utiliza pessoas “chegadas”, acreditando que darão conta das atividades descritas da posição no organograma. Essa é uma falha cruel que pode ser evitada. Lembre-se do paradigma do mercado, na qual sempre acreditei: “profissional caro é barato e profissional barato é caro”.

Agora se o parente ou amigo é competente e motivado, ele pode e deve participar do projeto. Muitas fortunas foram construídas por filhos, filhas, genros, noras, primos (as) e amigos (as) trazidos pelos empreendedores.


4ª DICA


Plano de Negócio


Independentemente de apresentar a um novo investidor, esta ação deve ser prioritária. Nesse “Business Plano” você deve apresentar as seguintes informações:

O que é sua empresa e qual o produto / serviço que pretende entregar?Qual a necessidade que será atendida?Para quem? Qual seu público alvo? Qual o perfil do seu cliente? Quantificar seu mercado alvo e definir uma participação como objetivo inicial.A que preço? Preços Premium, médio ou Popular?Como? Qual sua estratégia para criar uma vantagem competitiva?Qual a projeção de vendas no 1º ano (aberto por mês) e a sua melhor previsão para os próximos 2 anos? Quais premissas (crescimento do mercado, quebra de concorrentes, etc.) você usou para projetar esses números? Preparar um orçamento (veja nosso post em nosso site) para o 1º ano.Qual seu fluxo de caixa e sua previsão de necessidades para esses períodos?Qual a estrutura do poder? Qual a divisão das responsabilidades? Caso tenha sócios, definir claramente as áreas de cada uma. Aqui você pode evitar muitos problemas.Qual será sua retirada mensal (se houver)? Este valor tem que estar no seu orçamento.

Nessa fase se define a viabilidade, ou não, do empreendimento.


5ª DICA


Conhecer seus Custos e Despesas


Acompanhar diariamente a construção dos custos dos produtos e serviços e ter consciência da representatividade de cada item /ingrediente na composição da receita do produto / serviço. Quem sabe o custo saber precificar.

Cuidar das despesas e ser frugal com seus gastos em estrutura. Lembrar sempre que custos e despesas são como “unhas” e devem ser cortadas constantemente.


6ª DICA


Conhecer e Entender indicadores financeiros


Conhecer e entender os indicadores financeiros básicos para monitorar os resultados. Relatórios como Demonstrativo de Resultados (DER) e o Balanço devem ser entendidos quando apresentado pelo seu contador ou área financeira.  Com esta habilidade o empreendedor monitora sua performance e não se ilude com o dinheiro entrando no caixa. Eficiência e eficácia são consequência da sua estrutura de custos e despesas onde eficiência reflete seus cuidados com os custos e eficácia a sua estratégia.


7ª DICA


FOCO no OBJETIVO – DISCIPLINA na execução.


Definido o OBJETIVO se concentre no resultado projetado. Tenha DISCIPLINA na execução. Todo projeto sofre aprimoramentos e adaptações. Tenha DISCIPLINA e rigor na execução do plano de ações, evitando alterações desnecessárias. Fatores externos como críticas e pressões surgem no caminho, mas mantenha firmeza no gerenciamento do projeto. Todo empreendimento sofre intempéries até alcançar o sucesso. Não desista devido as dificuldades e críticas de parentes e amigos. Lembre sempre que Thomas Edison precisou fazer 10.000 testes antes de conseguir a 1ª lâmpada incandescente.


8ª DICA


Reserva Financeira


Ter uma reserva financeira para a sobrevivência do negócio em seu estágio inicial. O número usado, de acordo com o mercado, é um valor que corresponda a dois anos das suas necessidades e de sua empresa. Este número é variável de acordo com a performance do negócio.


9ª DICA


Otimismo e pensamento positivo


Bloquear seu cérebro contra pensamentos negativos e medos. Não prestar atenção em comentários negativos de parentes e amigos. Seguindo com disciplina os passos anteriores você estará preparado para obter sucesso.


10ª DICA


Flexibilidade para adaptações e alterações


Os resultados do empreendimento não estão conforme projetados devido a mudanças em algumas premissas estabelecidas do projeto, faça uma revisão, e adote novo curso de ação para se adaptar à nova realidade. Vivemos em um mundo dinâmico e necessitamos acompanhar o ritmo.

Com experiência adquirida no período inicial, e com informações adicionais sobre a dinâmica do mercado, os novos números devem ser realistas, bem como trazer um novo cenário com perspectiva de crescimento. Muitas vezes o Plano de Negócios original possui falhas, devido a premissas otimistas do empreendedor.

Historicamente, a curva de crescimento de um negócio com um Plano de Negócio bem elaborado, leva aproximadamente dois anos. Seguindo os passos acima, e respondendo honestamente os questionamentos de cada etapa, o projeto tem boas chances de ser bem-sucedido. Seja perseverante e acredite.


Fonte: https://academiadeexecutivos.com/10-passos-para-o-sucesso-seu-negocio/

1 visualização

Informações e Orçamentos

(27) 99252-8811

  • White Facebook Icon
  • White Instagram Icon

© 2017 por Andréia Fernandes | Orgulhosamente criado pela Info Tower Tecnologia.

  • Facebook
  • Instagram
whatsapp-png-cinza-3.png